Newsletter


Receba nossas novidades.
Cadastre seu email.


Consulta Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito)



Mérito Lojista 2019


Parada Natalina 2018


Conheça os golpes do Pix e saiba evitá-los

08/02/2022

Por Herika Nogueira

O Pix, lançado no Brasil em 2020, é uma forma de pagamento que veio para desburocratizar as transações bancárias digitais. Segundo o último levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o Pix é usado por 71% da população. Com tamanho sucesso, as tentativas de golpes também cresceram. Dentre os 3 mil entrevistados, 22% foram vítimas, e 69% apontaram terem sofrido tentativas de fraude.

Conheça algumas das fraudes mais utilizadas e dicas para você não entrar na estatística de vítimas.

Comprovante do Pix falso
Quando a compra é feita pela internet, mas ocorre a entrega física do produto. O criminoso vai ao ponto de encontro para retirar o produto e envia um comprovante de Pix pelo WhatsApp. O comprovante falso é idêntico ao gerado pelo banco.
Como evitar o golpe?
• Fique atento! Só aceite o pagamento via Pix se a transferência for feita na hora. Não aceite agendamento se você não conhece muito bem o cliente, ou se é a primeira compra dele;
• Acione notificações nos aplicativos de instituições bancárias. Desconfie caso você tenha recebido o comprovante, mas não a notificação.

Golpe via WhatsApp
Fraude em que o criminoso entra em contato com a vítima se passando por um conhecido e pede transferência de algum valor via Pix.
Como evitar o golpe?
• O número de clonagem de contas de WhatsApp estão sendo frequentes. Desconfie de pedidos de Pix ou transferência bancária via mensagem, por mais que sejam números de conhecidos ou familiares, e que na conta conste a foto da pessoa;
• Confirme com a pessoa conhecia o pedido. Faça uma vídeochamada ou fale pessoalmente para confirmar a solicitação antes de enviar o dinheiro;
• Outra dica é fazer perguntas pessoais ao fraudador de forma que ele não consiga responder;
• Nunca transfira o dinheiro automaticamente.

Golpe do Pix errado
Nessa fraude o criminoso cria um comprovante de transferência por meio de Pix simulando o de algum banco. Ele envia para a vítima por WhatsApp ou e-mail. Ao receber o comprovante, a vítima questiona o depósito e nessa hora o criminoso conta uma história de que errou ao realizar o Pix e pede a devolução do valor. Outro golpe semelhante é o do agendamento, nesta situação o infrator agenda a transferência para a conta da vítima e entra em contato com ela avisando do erro e pedindo o reembolso. A vítima transfere a quantia e o criminoso suspende o agendamento.
Como se prevenir?
• Antes de reembolsar o desconhecido aguarde a confirmação do dinheiro na sua conta. Devolver a quantia depositada é muito fácil com o Pix, é só clicar no valor creditado e estornar o valor;
• Se houver erro na transferência, você poderá devolver por meio do aplicativo do banco.

Falsos funcionários
Aqui o golpista se passar por um funcionário de um banco e oferece ajuda para cadastrar a chave Pix da vítima, ou comunicando a necessidade de realizar testes. O criminoso vai induzindo à realização de transferência bancária que será feita na realidade para a conta dele.
Como se prevenir?
• As instituições financeiras não entram em contato com os clientes dessa forma. Nunca forneça suas informações confidenciais.

Dicas para não cair no golpe do pix
Resumindo:
• Desconfie de mensagens e solicitações de instituições financeiras que envolvam seus dados pessoais e financeiros. Entre em contato com o seu banco, com o número que está atrás do cartão, para confirmar o pedido;
• A transferência com Pix só é possível dentro do aplicativo do seu banco ou operadora, fique atento para links e sites falsos;
• Ao receber um pagamento via Pix, esteja com o seu aplicativo de banco acessível para conferir o extrato na hora da transação, ou aguarde a compensação para confirmar;
• Esteja atento e não responda mensagens no automático. Sempre verifique a veracidade do que você recebe.

 

Fonte: FCDL


Voltar

Movimento lojista em todo Brasil

Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Minas Gerais - FCDL-MG
Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas

CDL Itajubá

Praça Wenceslau Bráz, 42
Centro Itajubá-MG
Tel:(35) 3622-3511/3622-3905

Redes Sociais

Facebook
Twitter